ARTIGOS GOSPEL

Comentário do Salmo 37 e Estudo Bíblico

Isto está entre os meus favoritos de todos os salmos e você esperançosamente verá porque depois de ler o comentário sobre o Salmo 37.
Salmo 37: 1-3 “Não se preocupe por causa dos malfeitores; não tenha inveja dos malfeitores! Pois eles logo desaparecerão como a grama e murcharão como a erva verde. Confie no Senhor e faça o bem; habite na terra e faça amizade com a fidelidade ”
Este salmo, como muitos dos outros salmos, ajuda-nos a lidar com as provações e tribulações de hoje confiando, confiando e apoiando-nos no Senhor nosso Deus e na Sua Palavra. Os pensamentos por trás deste salmo são que Deus não esquecerá os Seus santos e os injustos serão julgados, mas todos no devido tempo, portanto, não temos motivo para nos preocuparmos com isso. Deus é fiel à Sua Palavra.
Salmo 37: 4-5 “Agrada-te do SENHOR, e ele te concederá os desejos do teu coração. Comprometa-se ao Senhor; confie nele e ele agirá ”.
O que significa nos deliciarmos com o Senhor? Se você está encantado com alguma coisa, você tem uma grande alegria sobre ela e se estamos nos deleitando no Senhor, então estamos buscando agradá-Lo vivendo uma vida de santidade. Se fizermos isso, Ele nos concederá os desejos de nossos corações; não necessariamente o que queremos, mas o que precisamos e que é sempre melhor para nós. Deus sempre sabe o que é melhor para nós melhor do que nós, assim como qualquer pai ou mãe não sabe dar a seus filhos tudo o que eles querem.
Salmo 37: 6-7 “Ele trará a sua justiça como a luz, e a sua justiça como o meio-dia. Seja ainda diante do Senhor e espere pacientemente por ele; não te preocupes com aquele que prospera no seu caminho, sobre o homem que executa más intenções.
Aqui estão duas coisas que podemos esperar de Deus; Sua justiça, sua justiça. A chave é que devemos ser pacientes e esperar diante do Senhor. Fique quieto e não se preocupe com quem é mau e prospera. Seu dia está chegando. Apocalipse 21: 8.
Salmo 37: 8-9 “Abster-se da ira e abandonar a ira! Não se preocupe; Tende apenas ao mal. Porque os malfeitores serão exterminados, mas os que esperam no Senhor herdarão a terra.
Este é um mandamento para não buscar vingança ou tentar vingança porque a justiça será eventualmente servida Rom 12:19. Nós já conhecemos o futuro dos ímpios, Apocalipse 20: 12-15, portanto, devemos simplesmente aguardar o tempo do Senhor em Seu julgamento, porque os filhos de Deus “herdarão a terra”.
Salmo 37: 10-11 “Daqui a pouco, os ímpios não serão mais; Embora você olhe atentamente para o seu lugar, ele não estará lá. Mas os mansos herdarão a terra e se deleitarão em paz abundante ”.
Essa frase “daqui a pouco” está relacionada com os versículos 8 e 9, onde, no devido tempo, “os iníquos não serão mais”. Novamente nos é dito que os justos herdarão a terra e seu deleite será em Deus e em O próprio tempo de Deus, herdaremos a terra e, então, haverá "paz abundante".
Salmo 37: 12-15 “O ímpio trama contra o justo e range-lhe os dentes, mas o Senhor ri do ímpio, porque ele vê que o seu dia está chegando. Os ímpios sacam a espada e dobram os seus arcos para derrubarem o pobre e necessitado, para matarem aqueles cujo caminho é reto; a espada deles entrará no seu coração, e os seus arcos serão quebrados ”.
A frase “ranger de dentes” me lembra das muitas vezes que Jesus mencionou que haverá “choro e ranger de dentes” Lucas 13:28 para os ímpios que O rejeitam. Ranger de dentes expressou raiva de um modo que poucas palavras fazem. Aliás, Deus “vê que o dia do mal está chegando”, por isso devemos confiar em Deus para garantir totalmente a justiça.
Salmo 37: 18-20a “O Senhor conhece os dias da iniquidade e sua herança permanecerá para sempre; eles não são envergonhados nos tempos maus; nos dias de fome eles têm abundância. Mas os ímpios perecerão.
Sabemos que todos temos um dia determinado de nossa morte e então vem o julgamento. Hebreus 9:27, mas, felizmente, nossos pecados foram julgados na cruz e Deus conhece a herança dos inocentes e que eles “permanecerão para sempre”, significando que eles tenha a vida eterna. Não haverá vergonha como aqueles que enfrentam a Cristo no momento do julgamento.
37:21, 22-24 “O ímpio toma emprestado, mas não paga, mas o justo é generoso e dá. Os passos do homem são estabelecidos pelo Senhor, quando ele se deleita no seu caminho; ainda que caia, ele não será precipitado, porque o Senhor sustém sua mão ”.
Se dermos aos pobres apenas para esperar que sejam reembolsados, não somos melhores do que os pagãos que emprestam apenas para receber seus pagamentos e juros de volta, porém Deus estabelecerá se certificar de que os passos de um homem ou mulher justo que se deleite em Seu maneiras. Mesmo que todos nós caiamos às vezes, o Senhor nos sustenta em Sua mão.
Salmo 37: 25-26 “Sou jovem e agora estou velho, mas ainda não vi o justo abandonado nem seus filhos implorando por pão. Ele está sempre emprestando generosamente e seus filhos se tornam uma bênção ”.
Esta é uma promessa tão incrível que poucos sabem que está na Bíblia. A promessa é que Deus não abandonará os justos a ponto de eles ou seus filhos terem que implorar por pão. Ele empresta a seus filhos sem precisar ser reembolsado.
Salmo 37: 27-29 “Afaste-se do mal e faça o bem; então você deve habitar para sempre. Porque o Senhor ama a justiça; ele não abandonará seus santos. Eles são preservados para sempre, mas os filhos dos ímpios serão desarraigados. Os justos herdarão a terra e nela habitarão para sempre ”.
A palavra “turno” é muito parecida com a ideia de arrependimento. Arrependimento significa afastar-se e abandonar nossos pecados. Deus não abandonará aqueles que abandonam seus pecados. Seus santos são preservados para sempre, mais uma vez indicando que eles já têm a vida eterna, mas os maus, não o são. Deus nos dá ainda mais segurança sobre a nossa eternidade dizendo: “Os justos herdarão a terra e nela habitarão para sempre”.
Salmo 37: 34a, 37-38 “Espera pelo Senhor e guarda o seu caminho, e ele te exaltará para herdar a terra; Marque o irrepreensível e observe o correto, pois há um futuro para o homem da paz. Mas os transgressores serão totalmente destruídos; o futuro dos ímpios será cortado.
Esperar no Senhor é a chave para viver uma vida cheia de alegria. Deus, no devido tempo, exaltará a terra e aqueles que a herdarão. Ele deixará de lado ou marcará o íntegro e Ele diz ao justo: “existe um futuro para o homem ou a mulher da paz”. Os transgressores da lei de Deus são uma história diferente; eles serão cortados da presença de Deus para sempre, Mt 25:41.
Salmo 37: 39-40 “A salvação dos justos vem do Senhor; ele é a sua fortaleza no tempo de angústia. O Senhor os ajuda e os entrega, ele os livra dos ímpios e os salva, porque eles se refugiam nele. ”
Não há muitos caminhos para Deus, Atos 4:12, mas é somente através de Jesus Cristo e somente dele. A salvação também é totalmente uma obra de Deus Efésios 2: 8-9, pois sabemos que “o Senhor os ajuda e os entrega”, mas não apenas isso, Ele os salvará e eles poderão refugiar-se nEle.
As palavras chaves neste salmo são que nós confiamos, esperamos, descansamos, nos deleitamos e nos comprometemos, mas também teremos paciência, paz, estabilidade e o conhecimento de que o Senhor entregará os Seus e trará julgamento rápido para aqueles que se recusarem a arrependam-se e confiem em Cristo.
Artigo por Jack Wellman
Comentário do Salmo 37 e Estudo Bíblico Comentário do Salmo 37 e Estudo Bíblico Reviewed by Pastor Ivo Costa on outubro 02, 2018 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.